Sinto sua falta, toda vez que eu olho pro meu quarto lembrando de quando estavamos olhando um para o outro, toda vez que eu olho pro meu dedo e seu nome está la escrito, todas as vezes que eu fecho os olhos e lembro da sua mão passeando pelo meu cabelo, todas as vezes que eu sinto frio e não tem você pra me abraçar. Você disse pra eu começar a me sentir feliz quando você não estivesse aqui, mas como eu vou sorrir quando eu me sinto vazia, quando o que eu quero mesmo é você? Parece drama, coisa de menininha mimada que sempre teve o que quis, mas você me fez mulher, mas não me ensinou a ser mulher sozinha. É como ensinar alguem a andar de bicicleta com rodinhas e leva-lo para o alto de uma montanha e solta-lo lá, sozinho e sem as benditas rodinhas de apoio. Cai, ralei os joelhos, fiz um galo enorme na cabeça, o meu médico disse que meu pé vai desinchar em menos de uma semana, mas nada é comparado com a dor de não poder sentir aqui o unico remédio eficaz para toda essa agonia e saudade: Você! O unico Merthiolate que pode me curar.

Nunca mais vá até a padaria e esqueça de me avisar. rs

1 comentários:

Sandro Honorato disse...

Olá e ai tudo bem?
Sentir saudades é algo que ao mesmo tempo nos faz amar mais e mais uma pessoa também nos corroe por dentro.
Belo texto.
Tenho um novo post.Visita?
RIMAS DO PRETO

Beijos e boa semana

Postar um comentário

Copyright 2009 Desconquistas em Série. All rights reserved.
Sponsored by: Website Templates | Premium Wordpress Themes | consumer products. Distributed by: blogger template.
Bloggerized by Miss Dothy